Arquiteto Florianópolis Rico Mendonça - Banco Sarau

 

 

Arquiteto Florianópolis Rico Mendonça – Banco Sarau

O Banco sarau foi um projeto de mobiliário autoral e executado pelo super profissional Elton Canani, que tem uma grande habilidade com madeiras de vários tipos. O banco, baixo (fora dos padrões de assento – altura), cria um certo estranhamento para quem o vê pela primeira vez, pois não sabe se é um apoio (aparador), ou um local para sentar, pois num dos lados do banco (mais precisamente no esquerdo), foi instalado um espaldar (encosto) de uma cadeira bem tradicional da cultura brasileira, e “ebanizamos”,   foi o ponto de partida do projeto. 

Encontramos o encosto, e foi pintado com tinta auto motiva no tom preto fosco, o grande volume do “banco”, feito de Pinus, sem nós, escolhido a dedo, e foram muito selecionada,  com seus veios e réguas para serem usadas, juntas parecem um bloco maciço. a cor homogênea da peça, cria uma estética quase monolítica.  Soltamos do chão, com dois “pés”, ou seja, réguas no sentido oposto a estrutura principal, tornando o bloco quase que flutuando. e conseguimos fazer “O conjunto”, encontro do novo e do velho, materiais e formas contrastantes.

Todo o material utilizado no móvel é reciclado, o bloco ja foi em uma ocasião (Casa & Cia 2016) um grande aparador, tendo outra proporção e estética, foi cortado e usamos um pedaço da peça original, o encosto, fez parte de uma cadeira encontrada na rua, rejeitada, hoje, ganhou outro uso, agora se integram como uma peça única, fusão dos materiais, e uma estética inovadora, desta forma o banco Sarau surgiu. 

O Banco Sarau, fez parte do ambiente da Casa Cor SC  2018, no “Espaço Intelbras – Viva o Momento”, criado dentro de um container, este móvel fazia a vez de boas vindas dos visitantes.

O nome do banco Sarau, vem dos encontros festivos, de musica em roda, poesias recitadas, contos, aonde as pessoas se reunião para desfrutar de bons momentos com qualidade de entretenimento, estas lembranças da minha infância, trouxeram este nome como primeira alternativa, banco para reuniões, vejo alguém tocando viola sentado nele, e várias partituras e uma taça de vinho ao seu lado.

Foto – Ronaldo Azambuja

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta